sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Foragido: Sem curso superior, Eike Batista quer garantia de não ficar em prisão comum


Eike quer a garantia de não ir pra prisão comum,pois não tem curso superior-foto:reprodução

Com seu nome na lista de procurados pela Interpol, o empresário Eike Batista quer a garantia de que não será enviado a uma prisão comum, onde acredita que possa correr risco de vida, para se entregar.

 A informação é da Folha de S. Paulo. Isso porque mesmo com uma fortuna estimada em US$ 30 bilhões, Eike não tem curso superior, o que não lhe dá direito a uma cela especial. A PF tentou prender o empresário na última terça (24), mas ele viajou para os Estados Unidos, usando seu passaporte alemão. 

No momento, seus advogados negam a fuga e negociam seu retorno ao país. Ex-empresário mais rico do país, Eike é alvo da Operação Eficiência, deflagrada nessa terça pela PF. De acordo com a delação de dois operadores financeiros, ele pagou US$ 16,5 milhões de propina a Sergio Cabral durante o mandato do segundo como governador do Rio de Janeiro.Informações do BN.
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquise

Mais vistas

Marcadores

Seguidores

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.