sábado, 3 de dezembro de 2016

Saúde e Cidadania é o novo livro do Dr. Claudio Lottenberg


A saúde do futuro
    

O livro aponta os desafios para a boa prática médica na era da tecnologia e é um dos contemplados no principal prêmio de literatura do País - foto:reprodução

É fácil se encantar com as maravilhas da tecnologia na área da saúde. Elas surgem com velocidade espantosa e prometem assistência de primeira linha mesmo nos casos mais difíceis. Mas como saber qual delas de fato fará diferença no tratamento e se, mesmo fazendo, qual vale a pena ser incorporada do ponto de vista econômico? Os caminhos para a resposta a esse que é um dos maiores desafios da área da saúde atualmente estão no livro ‘Saúde e cidadania – A tecnologia a serviço do paciente e não ao contrário’, escrito pelo médico Claudio Lottenberg, um dos mais renomados gestores em saúde do País e bastante conhecido por seu trabalho à frente da presidência do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. A obra acaba de ganhar o Prêmio Jabuti na categoria Economia, Administração, Negócios, Turismo, Hotelaria e Lazer. A premiação é a mais importante da literatura nacional.
14

Interpretação de dados

Em seu segundo livro, Lottenberg oferece um panorama substancial do estado da arte da medicina e suas implicações. É um dos primeiros autores a tratar com profundidade do fenômeno do Big Data, a capacidade de guardar, associar e interpretar o imenso número de informações disponíveis. “O Big Data nos dá a possibilidade de compartilharmos as informações como nunca fizemos antes”, diz o médico. De acordo com a obra, cerca de 700 mil publicações biomédicas são divulgadas anualmente e a literatura médica dobra de volume a cada nove anos. Portanto, são milhões de dados que precisam ser analisados, de preferência em conjunto, para que possam fornecer cenários mais claros, ajudando a guiar os médicos. Para tratar o câncer de mama, por exemplo, há mais de setenta remédios disponíveis e centenas de estudos apontando suas melhores indicações.
A interpretação dos dados é uma das chaves para o bom uso da tecnologia. Por meio do conhecimento, é possível designar com maior precisão quando vale a pena adotar um novo recurso, e para quem. Como afirma o médico, países do mundo todo procuram modelos sustentáveis de financiamento da saúde – questão urgente diante da realidade de verbas limitadas e exigências enormes.
Formado pela Escola Paulista de Medicina, mestre e doutor em Oftalmologia, Lottenberg também discorre sobre as habilidades que os médicos precisarão desenvolver nos próximos anos, como grande conhecimento em genética e o desenvolvimento de senso de liderança. No livro estão ainda contempladas discussões contemporâneas, entre elas a revolução trazida pelos aplicativos, sensores e aparelhos que monitoram a saúde e as transformações na relação entre os médicos e pacientes. É uma obra obrigatória para quem deseja se preparar para a medicina do futuro.
PONTOS DE DESTAQUE


Alguns dos temas inovadores abordados
> O fenômeno do Big Data, a capacidade de armazenar, combinar e interpretar enorme quantidade de informações;
> Como avaliar se vale a pena incorporar uma nova tecnologia;
> As novas oportunidades de mercado para os profissionais de saúde;
> Por que o paciente hoje tem mais poder sobre seu tratamento e de que maneira isso muda a relação com o médico;

fonte:Istoé edição online de 03/05/16/reprodução
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquise

Mais vistas

Marcadores

Seguidores

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.