terça-feira, 27 de junho de 2017

"Se Lula for condenado, haverá confronto popular nas ruas", diz presidente do PT do Rio











foto:reprodução
O presidente do PT no Rio de Janeiro, Washington Quaquá, emitiu uma nota ontem, segunda-feira (26) com discurso duro contra eventual condenação do ex-presidente Lula pelo juiz federal Sérgio Moro.
"Queremos, a partir do Rio de Janeiro, dizer em alto e bom som: condenar Lula sem provas é acabar de vez com a democracia! Se fizerem isso, se preparem! Não haverá mais respeito a nenhuma instituição e esse será o caminho para o confronto popular aberto nas ruas do Rio e do Brasil!", disse o dirigente.
"Nós queremos repactuar o Brasil em torno da democracia e dos direitos e reformas que melhorem, de fato, a vida do povo, com emprego, desenvolvimento econômico e soberania nacional. Mas quem dirá se será pacto democrático ou luta aberta será a burguesia que deu o golpe", avisa Quaquá. 
"Vamos nos preparar pra luta da forma como ela vier. O judiciário brasileiro precisa dizer se vai aprofundar o golpe ou vai ajudar a restituir a democracia roubada", frisou o presidente. Informações do Bocão News.

Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquise

Mais vistas

Marcadores

Seguidores

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.