sábado, 8 de agosto de 2015

Bahia: Sindsemp repudia Procurador do RN que disse que "povo baiano não gosta de trabalhar"

 Procurador do RN diz que baiano 'não gosta de trabalhar' e sindicato repudia
Foto: Divulgação/Assessoria MPRN/reprodução
 
O Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Estado da Bahia (Sindsemp-BA) repudiou a fala do Procurador Geral de Justiça do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte, o Sr. Rinaldo Reis Lima, que, na 8ª Sessão Extraordinária do Colégio de Procuradores do referido MP, em resposta à argumentação plausível, da Procuradora de Justiça Dra. Tereza Cristina Cabral de Vasconcelos Gurgel, sobre o ganho de economicidade e eficiência ao se reduzir o horário de funcionamento da instituição, declarou, em tom jocoso, que: “É que a Bahia é um povo que não gosta nem de trabalhar muito, né? Assim, com todo respeito aos baianos que, eventualmente, nos assistem e estejam presente, né? Meu Rei!!” [sic]. “Repudiamos tal demonstração de desrespeito ao povo baiano, sendo este ato uma agressão a sua dignidade, cultura e costumes. 
 
Gostaríamos de convidar o senhor Rinaldo a passar um dia com nossas baianas do acarajé, preparando o produto e vendendo ou, se assim o quiser, no porto de Aratu, acompanhando nossos estivadores. Temos como opção, também, nossos trabalhadores rurais que saem às 5h da manhã, retornando às 17h, tendo passado o dia inteiro podando cacau”, sugere o texto, que completa: “se achar muito pesado, sugerimos, ainda, o nosso Núcleo da Paternidade Responsável – Nupar, no âmbito do Ministério Público do Estado da Bahia, ou em qualquer das Promotorias de Justiça do interior do Estado, em cidade de sua escolha, para acompanhar seus trabalhos”. A fala do procurador aconteceu na sessão do dia 28 do mês passado.Informações do BN.
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquise

Mais vistas

Marcadores

Seguidores

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.