quarta-feira, 10 de junho de 2015

Irecê: Justiça Federal suspende execução de dívidas agricolas


Irecê: Justiça Federal suspende execução de dívidas agrícolas beneficiando agricultores.Foto:reprodução/irecê repórter
                                                                                                                                    
Na última segunda-feira(8) o presidente da Copirecê, Walter Ney Dourado e o Sr. Everaldo Dourado, que são membros da Comissão de Mutuários do Crédito Rural do Nordeste, estiveram em reunião com o Juiz Federal, Dr. Gilberto Pimentel, subseção Irecê, para tratar do endividamento agrícola e a situação de milhares de produtores rurais à beira de ter seus dívidas executadas e perderem o que lhes restam.

Após uma longa explanação e apoiados na Lei 13.001/2014, que concede prazo para renegociação ou liquidação dos débitos até 31 de dezembro de 2015, o magistrado resolveu suspender o processo de execução das dívidas rurais. Segundo Everaldo,o entendimento do Juiz Federal está corretíssimo, desta forma cerca de 5 mil agricultores poderão ser beneficiados no território de Irecê, que são débitos em fase de execução pela PGFN – Procuradoria Geral da Fazenda Nacional, oriundos do Bando do Brasil, que a decisão alivia mais a situação

Walter Ney pede aos produtores rurais que quiserem obter mais informações sobre a situação de cada um, que se dirijam a sede da Cooperativa, à Rua São Francisco, centro de Irecê, ou ligue para 0800 8897 013.

Fonte:Ray Cruz do Irecê repórter c/ adptações

Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Pesquise

Mais vistas

Marcadores

Seguidores

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.